Câmara de Ipiranga do Norte capacita servidores para a implantação do e-Social do setor público

por Karynne Fernandes publicado 08/11/2018 12h55, última modificação 08/11/2018 12h59

Desburocratização e transparência. Estes são alguns dos princípios prioritários para a implantação do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) da Receita Federal não apenas às empresas privadas, mas também aos órgãos públicos.

A Câmara de Vereadores de Ipiranga do Norte já está trabalhando para a adequação ao novo formato do sistema de informação que irá padronizar, unificar e aprimorar a qualidade dos dados de trabalhistas, previdenciários e tributários dos servidores concursados, comissionados, prestadores de serviços e agentes políticos enviados à Receita Federal. A medida desburocratiza ao simplificar o cumprimento das obrigações, eliminando a redundância nas informações prestadas por pessoas físicas e jurídicas. A centralização do envio de dados  - que antes eram encaminhados a diversos órgãos - em um sistema único vinculado à Receita Federal, Caixa Econômica, Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) e o Ministério do Trabalho, promete agilizar e trazer mais eficiência , bem como transparência nos processos documentais dos dados.

A fim de implantar a inovação na Casa, foi investido na capacitação de duas servidoras concursadas. Estas, estiveram nos dias 16 e 17 de outubro na capital matogrossense, Cuiabá, para participar da formação “Implantação do e-Social: Atividade e Prática”, promovido gratuitamente pelo Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso. Segundo a controladora interna da Casa, Keila Martim, o novo sistema de escrituração evitará que erros relativos a informações divergentes sejam encaminhados a órgãos competentes, pois esses serão padronizados e unificados, evitando-se problemas futuros às pessoas físicas e jurídicas que atuarem em conformidade com a lei.

Na manhã desta quinta-feira, 08/11, as servidoras capacitadas realizaram o transbordo do aprendizado junto aos servidores dos demais departamentos da Câmara. A agente de finanças Rosangela Grisa Grabovski - uma das participantes da capacitação - destaca que o e-Social deverá ser uma realidade para todos os entes federativos, ou seja, todos os estados e municípios. O prazo para a adequação dos órgãos públicos será até janeiro de 2020.   


Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.